domingo, 7 de março de 2010

Para as tantas mulheres de minha vida...as ciganas, as sertanejas, as fortes, as "de pedra", as mães, irmãs, tias, primas, amigas"




I



Amanhã, eu serei cigana,
irei perturbar o mundo,
resserquir quem me engana.

Serei cigana, travessa, atrevida
lerei mãos, farei presságios
devastarei outras vidas...

Correrei descalça pelas ruas, cidades...
madrugando nas vilas escuras,
nem contando só verdades...

Amanhã, serei cigana, sorrindo
entre canções e sonhos
que corro, perseguindo...

28/setembro/88







II

Sonho deserto de mares
Gritando meu nome para as estradas.
O marinheiro não ouve
está escondido nos campos,
perdido, apagado entre vendavais.

Montanhas nos separam
Cada vez mais alegrando meu peito.
Ondas nervosas nos sugam
Misturando areia e alma doloridas.

Sonho fugas, abraços, distâncias
apregoando meus vícios para espanhóis.
Os cavalos todos procuram
a cigana fugida, tresloucada
em arrebóis sem destinos...

26/novembro/88*






Poemas publicados em "O chamado - ou um cântico para liberdade". Editora Scortecci. 2.ed., 2006.







Sina


A mulher do sertanejo;
mãe de sete filhos e outras tantas filhas,
pés inchados no chão ardente,
lenço colorido nos cabelos,
quando longo, coque prendendo-os;
vestido de chita, encardido,
amassado, curto demais.

A mulher do sertanejo
Olhos marejados diante do sol escaldante,
do marido distante,
dos filhos distantes,
das filhas caladas,
mal-vestidas, descabeladas,
confinadas
no silêncio de tristes mulheres sertanejas.


Imagens: Pesquisa Google - Acervo Projeto Portinari



DIA 08 de março - DIA INTERNACIONAL DA MULHER







28 comentários:

nivaldete ferreira disse...

Olá, Araceli! Belos poemas. Obrigada pela parte que me toca. Você sempre sensível... Um beijo.

jorge vicente disse...

tu és fantástica poeta! uma bela homenagem às mulheres!

grande abraço
jorge vicente

lidia disse...

HOLA Y GRACIAS,PERO NO ENTIENDO ,TODAVIA,PORQUE ME DEBEN NOS DEBEN FELICITAR,SIEMPRE HEMOS SIDO MUJERES,EN LUCHA,AMAS DE CASA,COCINERAS,EDUCADORAS,MAL VISTAS,BIEN VISTAS, EN FIN,ES LARGO,TEMO QUE ESTE DIA SEA UNA DISCRIMINACION MAS,YA QUE NO ESTAMOS,POR LO MENOS LATINOAMERICA,EN EL PRECISO LUGAR DEL VARON,NI EN SUELDOS,NI EN TRATOS...
GRACIAS POETA!
UN ABRAZO
LIDIA-LA ESCRIBA

Graça Pires disse...

Três belos poemas.
Somos nós-iguais: minha mãe, minha amiga, minha irmã...
Obrigada pela visita e pelas palavras deixadas no meu "Ortografia". Voltarei mais vezes. Um beijo.

Renee disse...

I have given you an award! Please stop by my blog to receive it.

Cláudia Magalhães disse...

Olá, Araceli! Lindos poemas! Parabéns! Uma delícia conhecer o teu trabalho! Voltarei, sempre!

Beijos

Vieira Calado disse...

todas as mulheres o merecem.

bjs

Por que você faz poema? disse...

Um mundo mais poético para as mulheres.

Sônia Brandão disse...

Gostei da sua visita e também de conhecer o seu blog.
Uma bela homenagem às mulheres, merecida principalmente por aquelas que tendo um coração de açúcar precisam se fazer de pedra.

bjs

Sonia Schmorantz disse...

Amei o teu espaço, passei a seguir também para não perder de vista. Muito obrigado pelo carinho da tua visita. Gostaria que conhecesse meu wordpress, onde os poemas são de minha autoria, chama-se Ilha da Magia, e o link está no blogger.
beijão

lidia disse...

BELLAS PALABRAS,PARA DESCUBRIR LA HERMOSURA!
UN ABRAZO
GRACIAS
LIDIA-LA ESCRIBA

Fred Matos disse...

Belos poemas e ilustrações muito bem escolhidas.
Ótimo fim de semana.
Beijos

Depósito de histórias disse...

Em um Brasil que precisa de escritores e portas para manter e conservar a sua história, é indeispensável pessoas como você.
AMEI o seu blog, está de parabéns...

Luma Rosa disse...

Salve as mulheres!! As belas e as feras, as não tão belas e não tão feras! Mas doces e perseverantes, poetas e amantes!!

Obrigada pela poesia neste finalzinho de noite! Irei dormir contemplada! Beijus,

Juni disse...

linda postagem de poemas, adorei=)

beijinhos, boas escritas!

Pedra do Sertão disse...

Amigas e amigos do blog:

tenho esperanças, sempre, que a luta (silenciosa, de algumas, e mais ostensivas, de outras [grandes] mulheres) não deve nunca acabar...

concordo com Lídia ao dizer que sempre temos sido mulheres de luta. Esse embate não é para ser apenas no dia 08 de maio, pois pode perder-se totalmente...ainda mais porque não nos encontramos ainda na situação ideal...

Até lá...um mundo mais poético não é pedir demais, não é?
abraços

Maria Muadiê disse...

adorei sua visita!
e gostei daqui.

Maria Muadiê disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Laurinha disse...

Linda postagem.
Merecida homenagem as mulheres.
Mulheres do rural, do urbano,
da razão, da emoção.
Mulheres, severinas de si e em si.
Mulheres, gigantes em cova rasa ou grande.
Mulheres, apesar de... e contudo isso!!
Parabéns pelo blog
Somos seguidores uma da outra e não se fala mais nisso.
Linda noite, lindo dia!
Meu carinho,

ventosnaprimavera disse...

Belos poemas, amei seu blog e já sou seguidor. Fiquei muito feliz com sua visita em meu blog.Se puder visite os outros que tenho e meu site:
haikainosventos.blogspot.com
palavrasnosventos.blogspot.com
arnoldopimentel.recntodasletras.com.br

Faço parte também do grupo cultural po-de-poesia de Nova Iguaçu-RJ, visite nosso blog

po-de-poesia.blogspot.com

Tudo de bom pra você, estarei sempre aqui te visitando.
Beijo no coração

lidia disse...

POETA,HERMOSO TRABAJO HAS HECHO! ME HA GUSTADO MUCHISIMO!MUCHISIMO!ME LLEGO A LAS ENTRAÑAS! GRACIAS POETA
SALUDOS
LIDIA-LA ESCRIBA


PASA POR MI BLOG CUANDO GUSTES

AVOGI disse...

Olá , cheguei aqui através do blogue "broas de mel" que é da minha filha. voltarei aqui mais vezes e para já vou segui-la. Pode ser?

Triste Flor disse...

Que lindo seu blog... os textos então, perfeitos amei tudo aqui, bjão

piras disse...

Que bela homenagem ás MULHERES, adorei!! Aliaás gosto de tudo no seu site!! Parabéns:O))

Jéssica V. Amâncio disse...

adorei, o primeiro e o último poema são muito bonitos.!

VERA RIBEIRO GUEDES disse...

Que bom conhecer o teu trabalho!
Que bom ter você em meu blog!
Sua cidade é maravilhosa e os nordestinos também!
Estarei sempre aqui. Esteja sempre lá.
Beijos!!!
Vera Ribeiro Guedes

J Bar disse...

Great artwork.
Sydney - City and Suburbs

Denise Almeida disse...

Adorei seu Blog. Fiquei apaixonada na poesia cigana.Parabéns. É lindo o seu trabalho.

Obrigada pela visita ao meu Blog.

Beijossssssssssssssss